sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Começa a 52ª edição da Taça Libertadores

getEsta semana acompanhamos os primeiros momentos da competição mais aguerrida, briguenta e cheia de catimba do mundo, a Taça Libertadores da América. Postei aqui um pouco da história de cada um dos doze clubes que disputam a Pré-Libertadores e sua busca pela vaga na fase de grupos.

No Pacaembu o Corinthians jogou muito mal e pode ter se complicado, a vaga será disputada na Colômbia na próxima quarta-feira. Jucilei, Dentinho e Roberto Carlos estiveram bem abaixo do nível habitual e o restante foi de mediano para ruim. O Tolima só se defendeu – e muito bem – fechou o espaço e apostou no contra-ataque, em casa terá que sair para tentar a classificação.

No Peru o Alianza Lima perdeu para o Jaguares do México por 2 a 0 e precisa vencer o rival longe de casa, uma missão espinhosa. Pedroza e Rodrigues marcaram.

O Cerro Porteño recebeu o Deportivo Petare da Venezuela e venceu por 1 a 0, gol de Nanni aos 25 do segundo tempo. Na volta os paraguaios podem até empatar.

Bolívar e Unión Española jogaram na terra de Evo Morales e Cordero abriu o placar para os visitantes no começo do jogo,

f_36883De todos os times que jogaram quem se deu melhor foi o Independiente. O Rey de Copas venceu o Deportivo Quito por 2 a 0. Semana que vem pode até perder que fica com a vaga. Os gols foram de Defederico (aquele mesmo do Corinthians) e Rodriguez.

O Grêmio enfrentou o Liverpool no Uruguai e podia ter vencido não fosse um frango de Victor. No Olímpico precisa de uma vitória simples. André Lima e Douglas marcaram para os gremistas e Franco e Guevara para os ‘Reds genéricos’.

Meus palpites foram Corinthians, Jaguares, Cerro Porteño, Unión Española, Independiente e Grêmio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário