sexta-feira, 11 de junho de 2010

Diário da Copa 11/06

1240318_full-lndO maior evento do futebol mundial começou hoje em Johanesburg, e a festa da estreia da Copa na África esteve perto de ser completa com uma vitória sul-africana e dancinha. Porém Rafa Marquez deixou o brilho dos bafana-bafana menos intenso. Mais tarde um zero a zero entre urugauios e franceses.

Ninguém venceu nos dois primeiros confrontos da Copa 2010 e os jogos até o momento foram tecnicamente fracos. Muitas faltas e cartões e pouco futebol.

Na abertura no Soccer City o primeiro tempo dos Mexicanos foi melhor, eles trocaram passes rápidos e até mereceram marcar, mas a ofensividade não foi eficiente. Na segunda etapa os Bafana Bafana eram dominados pelos aztecas, quando aos 9’ um contra-ataque veloz terminou nos pés de Tshabalala, ele invadiu a área e chutou forte no ângulo de Pérez.

As vuvuzelas soaram enlouquecidas no Soccer City e o sorriso estampado nos rostos dos torcedores verde e amarelos. Parreira completava o recorde de 6 participações em Copas com 5 seleções diferentes. Tudo estava perfeito. Até os 33’ do 2ºT, quando Guardado cobrou falta na área, a bola chegou ao zagueiro Rafa Márquez que chutou sem chances para Khune. NOs acréscimos Mphela ficou cara a cara com Pérez, mas acertou a trave. Fim de jogo 1 a 1.

Destaques:

234551 Gio dos Santos

Clube: Galatasaray

Jogos pela seleção: 26

Gols pela seleção: 5

Estreia: 2007 (x Brasil)

Em Copas: Estreante

 

294665 Khune

Clube: Kaizer Chiefs

Jogos pela seleção: 27

Gols pela seleção: 0

Estreia: 2008 (x Zimbábue)

Em Copas: Estreante

 

França e Uruguai empataram sem gols no Cape Town Stadium e mostraram que muitas coisas devem ser modificadas para uma melhor sorte no mundial.

Os franceses trocavam passes nos lados do campo, mas sem objetividade. Nem mesmo quando Lodeiro foi expulso os Bleus criaram perigo. Mas a cena do jogo foi a reclamação de Henry. Ele teve a cara de pau de pedir um pênalti ao ver a bola bater na mão do zagueiro uruguaio. Justamente Henry, responsável pela classificação ‘suja’ da França com um gol irregular, com a ajuda da mão de Henry.

189259 Diego Forlán

Clube: Atlético de Madrid

Jogos pela seleção: 62

Gols pela seleção: 24

Estreia: 2002 (x Arábia Saudita)

Em Copas: 2002 (3x3 Senegal)

 

 

297102

Abou Diaby

Clube: Arsenal

Jogos pela seleção: 5

Gols pela seleção: 0

Estreia: 2007 (x Lituânia)

Em Copas: Estreante

Nenhum comentário:

Postar um comentário