segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

A Colômbia é vermelha


Bastaram apenas 17 minutos para acabar o jejum do América em seus domínios. A equipe que não tomava gols em casa há 3 jogos viu sua invencibilidade de 12 partidas sem perder no campeonato ameaçada.

O gol saiu de um cruzamento da esquerda que o oportunista atacente Diego Álvarez aproveitou ao se atirar em direção a bola e desviar, sem chances para o goleiro do América, Adrián Berbia.

Com 1 a 0 no placar o Medellín igualava o resultado da primeira partida e deixava tudo indefinido.

Mas aos 25' o América roubou a bola e puxou um rápido contra-ataque, Adrián Ramos recebeu na entrada da área, ajeitou, chutou forte e contou com a ajuda do goleiro Bobadilla. O resultado dava o título ao América.

Antes do fim do primeiro tempo o América ainda teve três chances de virar, mas Bobadilla evitou a goleada.

No começo do segundo tempo o Medellín pressionou e teve duas oportunidades de marcar, mas parou nas mãos do uruguaio Adrián Berbia e no erro de seu ataque.

Em um ataque despretencioso aos 60' o América virou o jogo, Velez cruzou da direita e J. Ramos tentou cortar, mas jogou a bola para as próprias redes em um "autogol".

Mesmo perdendo o ‘Poderoso de la Montaña’ foi pra cima e em duas cobranças de falta quase empatou

O golpe final veio aos 89' em um contra-ataque fatal, três jogadores do América contra apenas um do Medellín tocaram a bola e Ramos fechou o placar.

Com o resultado final de 4 a 1 nos dois jogos o clube de Cali conquistou seu décimo terceiro campeonato nacional e quebrou o jejum de seis anos sem títulos.

Imagem do site www.goldoldol.net

Nenhum comentário:

Postar um comentário